em Blog

Anti-Bureaucracy Coin ou ABC acabou entrar na lista da Braziliex nesta sexta-feira, 27/07.

O objetivo do ABC é acabar com a burocracia e ineficiência nos sistemas de autenticação.

Ninguém gosta de burocracia, principalmente no Brasil: filas, ineficiência e morosidade são uma rotina no nosso sistema de autenticação. Foi com essa idéia que a OriginalMy criou o token Anti-Bureaucracy (ABC), que está disponível na Braziliex desde sexta-feira, 27/07.

A OriginalMy, que nasceu brasileira e hoje tem sua sede na Estonia, surgiu em 2015 e possui vários serviços nas áreas de validação de identidade (KYC) e registros de autenticidade em blockchain. Três anos depois, a empresa lançou seu utility token ABC na Braziliex. “Foi uma jornada muito intensa nesses últimos doze meses, mas ficamos muito felizes com o resultado.”, disse Edilson Osório Jr., diretor e um dos fundadores da OriginalMy.

Compliance

“O compliance da listagem do token foi feita em parceria com a Braziliex e o escritório de advocacia Cy2law, e a experiência deles com marcos regulatórios em diversas jurisdições foi essencial para o lançamento do ABC.”, mencionou Edilson.

ABC – Anti Bureaucracy Coin

O ABC terá 3 propósitos: o primeiro é acabar com a burocracia, como o nome já diz, e o segundo é proporcionar acesso aos serviços da OriginalMy.

A Originalmy possui vários serviços de certificação utilizando a tecnologia Blockchain, mas ficou conhecida pelo BitRegistro ou Prova de Autenticidade para Documentos Digitais. Qualquer documento digital pode ter sua existência comprovada através de um carimbo de tempo fornecido por um blockchain público, como um abaixo-assinado por exemplo, e o sistema é utilizado inclusive para certificar fake news, calúnia e difamação em redes sociais.

Uma empresa que utilizou o mecanismo de identidade, assinatura e registro em blockchain desenvolvidos pela OriginalMy e obteve repercussão internacional foi o ITS-Rio, para o desenvolvimento do Mudamos. O Mudamos é um aplicativo que coleta assinaturas eletrônicas para projetos de lei de iniciativa popular, que venceu o desafio de impacto social do Google.org, em 2016.

O terceiro e mais ambicioso propósito, será ajudar na criação de uma rede descentralizada de validação de dados pessoais autenticados por Blockchain: qualquer empresa ou indivíduo que faça a validação dos dados nessa rede vão receber o ABC como recompensa.

“Realmente, o ABC veio para eliminar a burocracia disfuncional, acabando com a ineficiência e perda de tempo no setor de autenticação, e graças a tecnologia de Blockchain, conseguiremos atingir nosso objetivo, mais cedo que esperamos”, acrescentou Edilson Osório Jr.

O ABC pode ser negociado nos pares Real, Bitcoin e Tether.

Para mais informações: